Geral

Motorista bate ônibus e é espancado por moradores até a morte em SP

Um motorista de ônibus foi espancado até a morte em Sapopemba, na Zona Leste de São Paulo, após perder o controle do veículo e bater em três carros e em três motos na noite deste domingo (27). Segundo a polícia, ele teve um mal súbito ao volante, o que fez com que deixasse de controlar […]

Arquivo Publicado em 28/11/2011, às 14h29

None

Um motorista de ônibus foi espancado até a morte em Sapopemba, na Zona Leste de São Paulo, após perder o controle do veículo e bater em três carros e em três motos na noite deste domingo (27). Segundo a polícia, ele teve um mal súbito ao volante, o que fez com que deixasse de controlar o veículo.


Após o ônibus bater nos carros e motos, uma passageira puxou o freio de mão, o que fez com que o veículo parasse. Perto do local, ocorria um baile funk em uma praça. Pessoas que estavam no local passaram a depredar o ônibus e entraram no veículo para agredir o motorista de 59 anos, que foi espancado até a morte. Ninguém foi preso. O caso foi registrado e será investigado pelo 69º DP, em Teotônio Vilela.


Segundo a São Paulo Transporte (SPTrans), os motoristas da empresa de ônibus Via Sul no Parque Santa Madalena não saíram para trabalhar durante a madrugada. Às 3h30, foi acionado o Plano de Atendimento entre Empresas de Transporte em Situação de Emergência (Paese) para as linhas 314J/10 (Pq. Santa Madalena – Metrô Liberdade) e 4222/10 (Pq. Santa Madalena – Pça. João Mendes). A expectativa da SPTrans é que os motoristas retornem aos trabalhos após o enterro do colega morto na noite deste domingo. Até as 11h desta segunda, o horário e o local do enterro ainda não haviam sido definidos.

Jornal Midiamax