Geral

Ministro anuncia que Governo Federal envia R$ 5 milhões na segunda para MS

Governo de MS calcula que as enchentes provocaram prejuízos de ao menos R$ 110 milhões; governo federal examina de que modo vai liberar o recurso. Os R$ 5 milhões será usado na compra de alimentos e medicamentos para as famílias desabrigadas

Arquivo Publicado em 11/03/2011, às 14h20

None
893243873.jpg

Governo de MS calcula que as enchentes provocaram prejuízos de ao menos R$ 110 milhões; governo federal examina de que modo vai liberar o recurso. Os R$ 5 milhões será usado na compra de alimentos e medicamentos para as famílias desabrigadas

O governo federal depositará na próxima segunda-feira (14) R$ 5 milhões diretamente na conta bancária do governo estadual para bancar o atendimento inicial às vítimas das chuvas intensas. O anúncio foi feito pelo ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, que sobrevoou hoje (11) as áreas mais afetadas e se reuniu em Campo Grande com prefeitos dos municípios atingidos.

O governador André Puccinelli apresentou ao ministro um relatório sobre os danos e estimou em R$ 110 milhões os prejuízos causados pelas chuvas intensas em Mato Grosso do Sul. Ele anunciou que este montante inclui o que deve ser gasto na recuperação de problemas causados em 16 municípios que devem decretar situação de emergência. Até o momento, cinco prefeitos já declararam o estado de emergência.

Fernando Bezerra Coelho disse que conversou com representantes a cadeia produtiva sul-mato-grossense, 12 prefeitos, e vai estudar com o Governo Federal a demanda, quanto será liberado e como será liberado.

O ministro disse que o maior problema que viu durante o sobrevôo são as pontes e estradas destruídas que ficaram destruídas durante o período chuvoso.


“O governo não quer fazer muita promessa para depois não cumprir. Pontes precisam ser construídas com mais qualidade e deixar de construir com madeira. Que depois façam de concreto senão os problemas serão recorrentes”, disse Bezerra.


Jornal Midiamax