Geral

Manifestantes se preparam para o ‘Dia da Partida’ no Egito

Milhares de manifestantes egípcios se concentram numa praça central do Cairo, nesta sexta-feira (4), para forçar a renúncia imediata do presidente Hosni Mubarak, num protesto que a oposição chamou de “Dia da Partida”. “Hoje é o último dia… hoje é o último dia!”, gritavam manifestantes enquanto alto-falantes transmitia música pop árabe: “Para o Egito, hoje […]

Arquivo Publicado em 04/02/2011, às 10h59

None

Milhares de manifestantes egípcios se concentram numa praça central do Cairo, nesta sexta-feira (4), para forçar a renúncia imediata do presidente Hosni Mubarak, num protesto que a oposição chamou de “Dia da Partida”.


“Hoje é o último dia… hoje é o último dia!”, gritavam manifestantes enquanto alto-falantes transmitia música pop árabe: “Para o Egito, hoje é um dia de celebração!”


Muitos na multidão mantiveram a vigília na Praça Tahir (da Liberdade) durante a noite, enquanto outros armaram barracas ou dormiram no chão, desafiando apelos do Exército e do vice-presidente Omar Suleiman para que voltassem para casa, pois suas exigências haviam sido atendidas.


Enquanto os protestos pedindo o fim imediato do mandato de Mubarak, no poder há 30 anos, entravam em seu 11º dia, o Exército começava a remover barricadas erguidas por manifestantes depois que partidários de Mubarak fizeram uma mortífera investida contra eles, dois dias antes, a qual deixou pelo menos dez mortos e mais de 800 feridos.


Organizadores pediram que as pessoas venham de onde estiverem para a praça e a área diante do prédio da TV estatal e do Parlamento, todos situados a uma distância de poco mais de 1,5 quilômetro um do outro.


Simpatizantes de Mubarak se posicionaram na principal rodovia entre Alexandria e o Cairo, bloqueando a passagem de carros que se dirigiam para a capital, para impedir que grupos anti-Mubarak se juntem aos manifestantes, disse uma testemunha.

Jornal Midiamax