Geral

Mais 17 linhas de ônibus vão operar com cartão eletrônico a partir do dia 1°

A estratégia de por fim a circulação de dinheiro já começa a apresentar os primeiros resultados positivos, como a redução no número de assaltos

Arquivo Publicado em 21/10/2011, às 16h35

None

A estratégia de por fim a circulação de dinheiro já começa a apresentar os primeiros resultados positivos, como a redução no número de assaltos

A segunda etapa de implantação de cartões eletrônicos nas linhas de transporte coletivo de Campo Grande começa no próximo dia 1°. Nesta etapa, mais 17 linhas vão operar com o cartão eletrônico, não podendo o passageiro pagar a passagem com dinheiro. 



Com isso, as linhas 51 (Bandeirantes – Shopping), 61 (Moreninha- Shopping), 62 (Moreninha Expresso), 64 (T.Guaicurus/T.Morenao/Shopping Norte Sul Plaza), 65 (T. Guaicurus – Praça Ary Coelho), 70 (Gal Osório – Bandeirantes), 72 (Nova Bahia – Morenão), 73 (Nova Bahia – Júlio de Castilho), 75 (Guaicurus- Br 262), 76 (T. Aero Rancho – Hércules Maymone), 80 (Aero Rancho – Gal. Osório), 81 (Nova Bahia), 82 (Aero Rancho – Shopping), 83 (Aero Rancho – Expresso), 84 (Nova Bahia – Ary Coelho), 85 (Morenão – Júlio de Castilho), 86 (Júlio de Castilho – Shopping), 87 (Gal. Osório – Gauicurus), 88 (Guaicurus – Shopping) e 89 (Guaicurus – Expresso) passarão a usar somente o cartão. 


A estratégia de por fim a circulação de dinheiro já começa a apresentar os primeiros resultados positivos, como a redução no número de assaltos. Segundo a contabilização da Assetur, cerca de 600 assaltos são registrados por ano aos ônibus coletivos. Na primeira quinzena do mês de setembro foram registrados 13 ocorrências, contra 30 no mesmo período de 2010. 



“Devemos aumentar em 300 o número de novos postos de venda do cartão. Ampliaremos os locais firmando parcerias com bancas de revistas, conveniências e vendedores ambulantes. Esses últimos irão trabalhar nas proximidades dos pontos de ônibus da região central”, explicou João Rezende Filho, diretor da Assetur.



Com a implantação do sistema nessas linhas, sobe para cerca de 200 os ônibus que vão operar somente com cartão. 
Jornal Midiamax