Geral

Mãe não compra remédio e quase apanha do filho

Policiais militares foram chamados na Rua Copacabana, no bairro da Mooca, em Ponta Porã, onde a dona de casa J. C., de 54 anos, disse que havia saído um pouco de sua residência e quando voltou encontrou seu filho L. C. M., 28 anos, transtornado, ameaçando quebrar o que encontrasse pela frente. A mãe afirmou […]

Arquivo Publicado em 24/02/2011, às 22h49

None

Policiais militares foram chamados na Rua Copacabana, no bairro da Mooca, em Ponta Porã, onde a dona de casa J. C., de 54 anos, disse que havia saído um pouco de sua residência e quando voltou encontrou seu filho L. C. M., 28 anos, transtornado, ameaçando quebrar o que encontrasse pela frente.


A mãe afirmou que o filho toma remédio para controle de temperamento, porém o medicamento estava em falta. Os policiais conseguiram falar com o rapaz, que de fato estava nervoso, porém sob controle.


A mãe se comprometeu em comprar os remédios do filho. Foi lavrado boletim de atendimento para conhecimento do 4º BPM.

Jornal Midiamax