O projeto de extensão Cineclube UFGD realiza neste sábado (13) o lançamento nacional no circuito cineclubista do filme “A Falta que me Faz”, às 17h, no cine-auditório da Unidade 1 da UFGD, localizado na Rua João Rosa Góes, 1761, Vila Progresso. A sessão é aberta e gratuita.

Filmado durante um inverno, na cordilheira do Espinhaço, em Curralinho (região de Diamantina, em Minas Gerais), o documentário “A Falta que me Faz” aborda um grupo de garotas em um momento de transição.

Alessandra, Priscila, Shirlene e Valdênia vivem um romantismo impossível, que as enlaça com homens de fora, deixando marcas em seus corpos e na paisagem a seu redor. Entre festas, namoros e contradições da passagem para a idade adulta, cada uma encontra sua maneira particular de resistir à mudança e existir na incerteza.

O Cineclube UFGD está entre os 1.000 cineclubes brasileiros que farão o lançamento nacional dos filmes da diretora Marília Rocha. No último sábado (06) foi exibido o filme “Acácio” e agora o “A Falta que me Faz”. Os lançamentos começaram oficialmente no circuito cineclubista em 29 de julho e serão encerrados em 29 de setembro.