Geral

Instituto RessoArte recebe premiação nacional

O Instituto de Arte, Cultura e Desenvolvimento – RessoArte, instituição sem fins lucrativos que exerce ações de inclusão social, cultural e educacional no município de Anastácio há aproximadamente 3 anos, foi contemplado com a notícia de que está entre os selecionados no Prêmio da Fundação Nacional de Artes (FUNARTE) – ProCultura Bandas de Música. O […]

Arquivo Publicado em 02/12/2011, às 13h35

None

O Instituto de Arte, Cultura e Desenvolvimento – RessoArte, instituição sem fins lucrativos que exerce ações de inclusão social, cultural e educacional no município de Anastácio há aproximadamente 3 anos, foi contemplado com a notícia de que está entre os selecionados no Prêmio da Fundação Nacional de Artes (FUNARTE) – ProCultura Bandas de Música.

O Prêmio ProCultura de Apoio a Bandas de Música tem como objetivo reconhecer e propiciar a melhoria da qualidade técnica e artísticas dos conjuntos musicais denominados “Banda de Música”, “Banda Sinfônica”, “Banda de Concerto”, “Banda Musical”, “Banda Filarmônica” ou “Sociedade Musical”, em âmbito nacional, visando a sua sustentabilidade e propiciando a aquisição de instrumentos de sopro e de percussão.

Cerca de 525 projetos concorreram na seleção nacional do edital e apenas 176 foram selecionados e somente 6 projetos contemplados em Mato Grosso do Sul: “RessoArte Orquestra de Metais e Percussão” – Anastácio; “Banda Municipal de Aquidauana” – Aquidauana; “Banda de Rio Brilhante” – Rio Brilhante; “Aquisição de Instrumentos de Sopro e de Percussão para a Banda Musical Helena Meirelles do Distrito da Nova Porto XV” – Bataguassu; “Banda de Música para a Juventude” – Terenos e “Ampliação do instrumental da Banda de Música Municipal Manoel Florêncio” – Corumbá.

Para o presidente do Instituto RessoArte, Alessandro Cintra, a escolha é reflexo do fiel cumprimento dos objetivos para o qual a instituição foi criada, ou seja, assegurar mecanismos de formação social, nas artes e na educação capazes de transformar a vida de centenas de crianças e adolescentes atendidas pela instituição. Alessandro, lembrou ainda que o Instituto iniciará em 2012 novos programas visando à formação profissional de pais e alunos; educação ambiental, tecnológica e de comunicação, além de ações transversais em parcerias com outras organizações, integrando uma rede colaborativa de transformação e sensibilização de questão ligadas aos direitos humanos, trabalho e renda, patrimônio imaterial e cultura digital.

Adriano Pereira, coordenador de projetos da organização, menciona que “ter sido a única instituição sem fins lucrativos a ser contemplada no estado, tendo em vista os outros projetos serem ligados às prefeituras, revela o profissionalismo e a coerência da Fundação Nacional de Artes (FUNARTE) em reconhecer iniciativas que apresentem sólidos planos de trabalho conjugados à inegável capacidade de execução por parte do proponentes selecionados. É um avanço expressivo no segmento artístico nacional coordenado pelo presidente da FUNARTE – Antônio Grassi e que democratizou o acesso ao financiamento das artes plásticas, dança, música, teatro entre outros”, pontua o coordenador.

O prêmio foi comemorado também com a Diretora da Banda Música Sem Fronteiras, Maria Cristina Pacheco e pelos regentes Vitor Junior Pacheco e Lídio Amorim. O Instituto RessoArte tem o patrocínio da Funarte, Ministério da Cultura, Fundação de Cultura de MS, apoio da Prefeitura Municipal de Anastácio e APAE de Anastácio.

Jornal Midiamax