Geral

Homem se entrega após fazer ex, filha e ex-sogra reféns

Um homem que manteve três pessoas reféns em uma residência em Jaguariúna, interior de São Paulo, se entregou por volta das 19h deste sábado. O cárcere privado da família durou quase nove horas. O ajudante de pedreiro Márcio da Silva Rodrigues, 26 anos, fazia reféns a filha de 4 anos, a ex-mulher Lucilene Rodrigues, 30 […]

Arquivo Publicado em 03/12/2011, às 22h22

None

Um homem que manteve três pessoas reféns em uma residência em Jaguariúna, interior de São Paulo, se entregou por volta das 19h deste sábado. O cárcere privado da família durou quase nove horas. O ajudante de pedreiro Márcio da Silva Rodrigues, 26 anos, fazia reféns a filha de 4 anos, a ex-mulher Lucilene Rodrigues, 30 anos, e a ex-sogra Etelvina, 57 anos. Rodrigues teria ficado nervoso quando a ex-mulher disse que não queria retomar o relacionamento. Ele foi embora, mas voltou armado e começou a discutir com Lucilene.

Com um revólver, ele mantinha a família em uma casa na rua Macieira, no bairro Roseira de Cima, desde as 10h30. Um amigo e o chefe de Rodrigues foram chamados e ajudaram na negociação, que contou ainda com equipe do Grupo de Ações Táticas Especial (Gate).

A negociação com os policiais aconteceu pela fresta de uma janela. Ele aceitou entregar a arma enrolada em uma camiseta e depois soltou as vitimas. Ninguém saiu ferido. O auxiliar de pedreiro foi conduzido a uma delegacia. Segundo a polícia, ele pode ser indiciado por cárcere privado qualificado, porte ilegal de arma e desobediência à ordem judicial.

Jornal Midiamax