Geral

Homem é executado na frente do filho e esposa na fronteira

Nesta segunda feira (02) um homem de 42 anos foi executado à queima roupa em Ypejhú (Paraguai), cidade que faz fronteira com Paranhos no Brasil, na frente de sua esposa e do filho de sete anos. O crime aconteceu por volta do meio dia quando, segundo relato da própria esposa da vítima, dois homens chegaram a sua casa, onde funciona […]

Arquivo Publicado em 03/05/2011, às 15h37

None

Nesta segunda feira (02) um homem de 42 anos foi executado à queima roupa em Ypejhú (Paraguai), cidade que faz fronteira com Paranhos no Brasil, na frente de sua esposa e do filho de sete anos.


O crime aconteceu por volta do meio dia quando, segundo relato da própria esposa da vítima, dois homens chegaram a sua casa, onde funciona também uma oficina de motos e perguntaram se tinha peças de motos, Carlos Dario Gomes, popularmente conhecido por Carlistos Motos, respondeu que sim e quando virou para o lado de sua oficina foi alvejado por três tiros vindo a cair e falecer na frente de sua esposa e do filho de sete anos de idade.


Segundo populares a vítima era uma pessoa alegre, divertida e tinha muitos amigos, ultimamente trabalhava também como motorista do atual intendente (Prefeito) de  Ypejhú.


A policia Paraguaia esteve no local fazendo os procedimentos de praxe e em seguida iniciou as investigações para elucidar o caso.


 Segundo a esposa da vítima o corpo do mesmo será transladado para a cidade de Pedro Juan Caballero no Paraguai onde reside a maioria de seus parentes.

Jornal Midiamax