Geral

Gripe: Corumbá ainda precisa vacinar 50% do público alvo

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe termina nesta sexta-feira em todo o Brasil. De acordo com dados do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações, até esta quinta-feira, 12 de maio, Corumbá apresentava aproximadamente 50% do público alvo da campanha imunizado, ou seja, pouco mais de 6.500 pessoas, um número baixo para […]

Arquivo Publicado em 13/05/2011, às 11h05

None

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe termina nesta sexta-feira em todo o Brasil. De acordo com dados do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações, até esta quinta-feira, 12 de maio, Corumbá apresentava aproximadamente 50% do público alvo da campanha imunizado, ou seja, pouco mais de 6.500 pessoas, um número baixo para a meta de vacinar 14,7 mil pessoas no município.

“As pessoas deixaram para procurar os postos de vacinação nos últimos dias. Nesta última semana da campanha, os postos ficaram lotados. Os idosos são os que mais procuraram pelo serviço, eles são mais conscientes e sabem na prática como é ficar sem a vacina. O que realmente nos preocupa é o grupo que mais corre riscos de contrair as gripes normais e principalmente a H1N1, que são as grávidas. Esse é o público que menos tem procurado as unidades de vacinação, apesar de serem as que mais necessitam das vacinas. As crianças também são outra preocupação, pois ainda há muitas crianças menores de 02 anos que não foram imunizadas. Os pais devem se procurar os postos”, alertou Wangley Bento de Campos, responsável pelo núcleo de imunização da Secretaria Municipal de Saúde.

Conforme dados do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações, até esta quinta-feira, 12 de maio, no Município, 3.926 idosos, ou 47% do público alvo, já tinham sido imunizados; 80% dos trabalhadores de saúde também se vacinaram, isso em números, representa 947 pessoas; 1.148 crianças foram vacinadas, cerca de 40% da meta estimada pelo município. Já entre as gestantes, apenas 432 foram imunizadas, ou 20% da meta.

O Município tem a meta estabelecida de imunizar 14.782 pessoas, sendo 8.367 idosos (com 60 anos para cima); 2.036 gestantes; 3.026 crianças; 1.194 trabalhadores em saúde e 160 indígenas.

Ampliação de atendimento

Devido a baixa procura pela vacinação nas unidades de Saúde, a Secretaria de Saúde de Corumbá, resolveu ampliar o atendimento da campanha, adotando horários noturnos e no final de semana.

“O setor de imunização decidiu adotar esses horários especiais de vacinação, para alcançarmos principalmente o público das gestantes e das crianças menores de dois anos, pois a cidade não alcançou nem 50% da cobertura estimada desses públicos. Portanto, alertamos que os pais ou responsáveis, fiquem alertas aos horários especiais e se dirijam aos pontos de vacinação”, disse Wangley Bento.

O primeiro atendimento especial de vacinação contra a gripe ocorreu nesta quinta-feira, 12 de maio, com as equipes de vacinação atuando no período noturno na Igreja Matriz de Corumbá. O próximo atendimento especial será sábado, 14 de maio, quando o plantão será das 08h às 12 horas, na Unidade de Saúde da Ladeira e no domingo, 15 de maio, haverá vacinação na feira livre da rua Ladário.

“É possível que o Ministério da Saúde prorrogue o prazo para vacinação. Mas como não temos nenhuma posição ainda, vamos seguir a data estipulada pelo Ministério, que é encerrar a campanha nesta sexta-feira, 13 de maio, porém, com esses horários alternativos para conseguirmos imunizar o maior número possível do público alvo”, concluiu Wangley.

A vacina

A vacina protege contra os três principais vírus da gripe que circulam no hemisfério sul, inclusive a Influenza A (H1N1), mais conhecida como gripe suína. A imunização para as crianças ocorre de maneira diferente dos adultos. A criança recebe meia dose e a segunda será aplicada 30 dias após a primeira. Além desse detalhe, é essencial lembrar que as pessoas que forem tomar a vacina não podem estar com febre.

Conforme estatística do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações, do Ministério da Saúde, até esta quinta-feira, 12 de maio, o estado de Mato Grosso do Sul registrou que 55% do público alvo receberam as doses de imunização contra a gripe. Em números, isso expressa aproximadamente 223.800 pessoas vacinadas.

Jornal Midiamax