Geral

Funtrab dispensa licitações e contrata três empresas para cursos em MS por R$ 719 mil

Três instituições foram contratadas para oferecerem cursos de qualificação profissional em Mato Grosso do Sul e devem deceber dos cofres públicos o valor total de R$ 719.400,00. As contratações foram publicadas na edição desta segunda-feira (20) do Diário Oficial, e todas tiveram a dispensa de licitação ratificada. Os despachos são assinados pela secretária de Estado de Trabalho...

Arquivo Publicado em 20/06/2011, às 16h03

None

Três instituições foram contratadas para oferecerem cursos de qualificação profissional em Mato Grosso do Sul e devem deceber dos cofres públicos o valor total de R$ 719.400,00. As contratações foram publicadas na edição desta segunda-feira (20) do Diário Oficial, e todas tiveram a dispensa de licitação ratificada.


Os despachos são assinados pela secretária de Estado de Trabalho e Assistência Social, Tânia Maria Garib, que é também ordenadora de despesas da Funtrab (Fundação do Trabalho, Emprego e Renda de Mato Grosso do Sul). As três contratadas devem atuar na execução do Planteq/2010.


Segundo o Ministério do Trabalho e Emprego, o Planteq/2010 (Plano Territorial de Qualificação Profissional, do Ministério do Trabalho e Emprego) usa recursos do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador) para oferecer cursos de qualificação da mão-de-obra em todo o Brasil através de instituições contratadas em cada unidade da Federação.


Para executar os cursos de qualificação profissional nas regiões de Campo Grande, Grande Dourados, Leste, Conesul e Sul Fronteira, a instituição escolhida foi o Instituto Semear de Educação Profissional de Mato Grosso do Sul, com um contrato no valor de R$ 340.080,00 (Trezentos e quarenta mil cento e oitenta reais). A contratação sem licitação tem a justificativa no processo 25/100.088/2011.


Já nas regiões Sudoeste e Norte de MS, a entidade escolhida foi a Instituição de Ensino Afonso Linares Prado, com o valor de R$ 191.840,00 (Cento e noventa e um mil e oitocentos
e quarenta reais) e justificativa para dispensa da licitação no processo 25/100.089/2011.


Finalmente, o Instituto Delta de Educação foi contratado para oferecer os cursos profissionalizantes nas regiões do Pantanal e Bolsão sul-mato-grossenses, com um valor total de R$ 187.480,00 (Cento e oitenta e sete mil e quatrocentos e oitenta reais) e dispensa de licitação justificada pelo processo 25/100.090/2011.

Jornal Midiamax