Geral

Frota de veículos aumenta 11% em um ano na cidade Três Lagoas

O sonho do carro zero quilômetro e a mudança para o município de Três Lagoas foram os motivos elencados pela 6ª Agência de Trânsito de Três Lagoas na elevação de 11% da frota de veículos. De acordo com a gerente da agência, Gentília Alves Costa, uma estatística levantada pelo Detran (Departamento de Trânsito de Mato […]

Arquivo Publicado em 25/01/2011, às 13h57

None

O sonho do carro zero quilômetro e a mudança para o município de Três Lagoas foram os motivos elencados pela 6ª Agência de Trânsito de Três Lagoas na elevação de 11% da frota de veículos.

De acordo com a gerente da agência, Gentília Alves Costa, uma estatística levantada pelo Detran (Departamento de Trânsito de Mato Grosso do Sul) apontou que em 2009, 44.466 veículos documentados circulavam em Três Lagoas, no ano passado, este número foi para 49.552. Até ontem (24), Três Lagoas possuía a frota de 51.178 veículos.

Segundo as estatísticas do Detran, embora o automóvel lidere na quantidade de veículos da cidade – de 19.358 em 2009 para 21.413 em 2010 – sua elevação empata com a de motocicletas, que foi de 13.901 de 2009 para 15.409 em 2010, ou seja, de 11%.

TRANSFERÊNCIAS

Gentília aponta que a entrada de 1.626 veículos em Três Lagoas entre o final do ano passado e os primeiros dias de 2011 é de transferências. “Em dezembro batemos o recorde em relação aos outros meses do ano. As pessoas aproveitaram para mudar a Unidade Federativa (Estado) para o final do mês do ano passado e isso já houve uma diferença de mais de mil veículos até agora”.

Segundo a gerente, a maioria das transferências é do Estado de São Paulo. Um dos motivos atribuídos pelo aumento da mudança de frota, conforme Gentília é a fase de industrialização que Três Lagoas atravessa. “Muitas empresas estão chegando à cidade e com isso aumenta também a transferência de veículos”, disse.

Gentília ressalta que embora o governo tenha freado os empréstimos e financiamento para compra de veículos,

LICENCIAMENTO

Segundo Gentília, desde o início do ano as pessoas já procuram a agência para recolherem a guia do CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) de acordo com o final de sua placa. “Do dia 15 em diante aumenta a procura para o recolhimento da guia de licenciamento”, disse.

Embora a procura seja alta em Três Lagoas, Gentília ressalta que pelo menos 10% dos motoristas são inadimplentes no pagamento em dia do licenciamento. “Nas apreensões, além dos motoristas não serem habilitados outro fator que leva o veículo ser recolhido é falta do pagamento do licenciamento”, alerta.

Jornal Midiamax