Geral

Frente parlamentar pede ao presidente da Câmara votação da PEC do Voto Aberto

Representantes da Frente Parlamentar em Defesa do Voto Aberto se reuniram hoje (27) com o presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), para pedir a votação do segundo turno da proposta de emenda à Constituição que institui o voto aberto em todas as votações do Parlamento. Eles também entregaram a Marco Maia as fichas de […]

Arquivo Publicado em 27/09/2011, às 23h55

None

Representantes da Frente Parlamentar em Defesa do Voto Aberto se reuniram hoje (27) com o presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), para pedir a votação do segundo turno da proposta de emenda à Constituição que institui o voto aberto em todas as votações do Parlamento. Eles também entregaram a Marco Maia as fichas de adesão ao movimento de 275 deputados e senadores.


Durante a reunião, Maia prometeu que na reunião de lideres da próxima semana colocará o assunto em discussão, assim como de outras propostas de emenda à Constituição (PECs) que aguardam deliberação da Casa. Maia disse que o número de integrantes da frente é uma demonstração de que a maioria dos parlamentares deseja ver a votação da PEC.


Para Maia, é preciso definir quais votações devem ser abertas e quais serão secretas. “Devemos resguardar algumas votações, que devem ser secretas, como a dos integrantes da Mesa Diretora da Câmara. Nos casos de cassação de mandatos, a votação deve ser aberta.”


A PEC que institui o Voto Aberto para todas as votações do Parlamento foi aprovada em primeiro turno, por unanimidade, em 2006. A pressão para voltar a proposta em segundo turno aumentou com a a recente absolvição da deputada Jaqueline Roriz (PMN-DF) no processo de cassação por quebra de decoro. Ela foi absolvida pelo plenário da Câmara em votação secreta.

Jornal Midiamax