“Foi um susto. É tanta festividade de 80 anos e no final…o que vale é que a bala não chegou. Isso foi importante”, disse o ex-técnico da Seleção Brasileira Mario Jorge Lobo Zagallo sobre o assalto que sofreu na madrugada desta terça-feira (16) em uma rua de Botafogo, na Zona Sul do Rio.
Segundo a Polícia Civil, Zagallo estava com o filho e a esposa em seu carro e foi abordado por criminosos na Rua Ministro Raul Fernandes, por volta das 2h.

Ainda segundo a polícia, Zagallo contou que seu carro foi fechado por outro veículo com cerca de quatro suspeitos. Segundo o ex-técnico, dois assaltantes, um deles armado com uma pistola, desceram do carro e anunciaram o assalto. A delegada-adjunta Daniela Terra, da 10ª DP (Botafogo), onde o caso foi registrado, informou que os criminosos tinham como objetivo roubar o carro. Mas, depois de Zagallo ser reconhecido, o grupo desistiu de levar o veículo. Os suspeitos roubaram um cordão de ouro e a carteira do ex-treinador. Alguns pertences do filho de Zagallo também foram levados.

A ocorrência foi registrada no início da manhã desta terça-feira (16). A polícia informou ainda que vai pedir as imagens das câmeras de trânsito e de prédios da região para tentar identificar os assaltantes.