Geral

Fazendeiro flagrado após corte de cem árvores é multado em R$ 30 mil no interior de MS

Na tarde de sábado (05), Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas autuaram o proprietário da Fazenda 16 de Julho, Luiz Fernando Arantes, por explorar madeira ilegalmente. Em 26 de dezembro, quando em fiscalização na fazenda, os policiais verificaram o corte de 100 árvores para aproveitamento da madeira. Foi dado prazo até sexta-feira (04), para que […]

Arquivo Publicado em 06/02/2011, às 14h04

None

Na tarde de sábado (05), Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas autuaram o proprietário da Fazenda 16 de Julho, Luiz Fernando Arantes, por explorar madeira ilegalmente.

Em 26 de dezembro, quando em fiscalização na fazenda, os policiais verificaram o corte de 100 árvores para aproveitamento da madeira. Foi dado prazo até sexta-feira (04), para que o proprietário apresentasse a documentação ambiental referente à exploração.

Como não tinha autorização e não a apresentou, Luiz foi autuado administrativamente e multado em R$ 30.000. Ele também responderá por crime ambiental, que tem pena de detenção, de 06 meses a 01 ano. (Com informações da PMA)

Jornal Midiamax