Fazendeiro armazena aroeira e recebe multa de R$ 14 mil

Durante fiscalização na região do Nabileque, Policiais Militares Ambientais de Corumbá (MS) e Fiscais do IBAMA, que atuam na Operação Ágata, autuaram um fazendeiro de 69 anos por exploração ilegal de madeira de lei. Ele foi multado em R$ 14.400 por armazenar em sua propriedade produto de origem florestal da espécie “aroeira” sem licença válida […]
| 06/12/2011
- 20:17
Fazendeiro armazena aroeira e recebe multa de R$ 14 mil

Durante fiscalização na região do Nabileque, Policiais Militares Ambientais de Corumbá (MS) e Fiscais do IBAMA, que atuam na Operação Ágata, autuaram um fazendeiro de 69 anos por exploração ilegal de madeira de lei.

Ele foi multado em R$ 14.400 por armazenar em sua propriedade produto de origem florestal da espécie “aroeira” sem licença válida outorgada pela autoridade competente. Foram apreendidos 35,7 m³ de palanques, 9,8 m³ de lascas e 2.30 m³ de firmes, todos de aroeira. O fazendeiro também responderá por crime ambiental e poderá pegar pena de 1 a 2 anos de reclusão. 

De acordo com a portaria 83 N de 1991 do Ibama, é proibido o corte da “aroeira” e algumas outras espécies de madeiras nobres, sem plano de manejo, que precisa ser aprovado pelos órgãos ambientais. Inclusive, em desmatamentos autorizados, essas espécies não podem ser cortadas.

Veja também

A página foi criada para dar mais transparência sobre publicidade eleitoral exibida por meio de todas as plataformas da empresa

Últimas notícias