Geral

Exposição literária celebra 30 anos da Biblioteca Isaías Paim da Fundação de Cultura

A Fundação de Cultura do Estado realiza a partir do dia 5 de dezembro (segunda-feira) uma Exposição Literária especial, que celebra os 30 anos de existência da Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaías Paim. A mostra “30 anos de informação e cultura” será aberta às 8 horas e será a última exposição do ano. A entrada […]

Arquivo Publicado em 30/11/2011, às 17h08

None

A Fundação de Cultura do Estado realiza a partir do dia 5 de dezembro (segunda-feira) uma Exposição Literária especial, que celebra os 30 anos de existência da Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaías Paim. A mostra “30 anos de informação e cultura” será aberta às 8 horas e será a última exposição do ano. A entrada é franca.

A Biblioteca Dr. Isaías Paim foi fundada em dezembro de 1981, conforme decreto n. 826 de 5 de dezembro de 1981, no diário oficial n. 500. Sua primeira localização foi no Centro Cultural José Octavio Guizzo, onde permaneceu até 1987.

De 1998 a 1999 atendeu o público na Rua 14 de julho e de 2000 a setembro de 2006 esteve localizada à Rua Barão do Rio Branco, ao lado do Rádio Clube. Foi em 2006 que a biblioteca mudou-se para o amplo espaço atual: o Memorial da Cultura e da Cidadania (antigo fórum), no segundo andar.

A Biblioteca carrega em seu nome uma homenagem ao Dr.Isaías Paim, médico psiquiatra, doador de cerca de 4.800 livros de sua biblioteca particular para a formação do acervo inicial, que hoje conta com aproximadamente 35 mil exemplares em sua formação geral.

A Exposição literária deste mês disponibilizará livros produzidos no estado, tendo como foco principal a história a partir da saga dos bandeirantes, a estrada de ferro da Noroeste do Brasil até a criação do Estado. Os livros também retratam a arqueologia e o turismo ecológico através de material fotográfico realizado em Bonito, Serra da Bodoquena e do Pantanal, com as suas imagens poéticas descritas por Manoel de Barros.

Também ganhará destaque as artes plásticas, a literatura com o romance símbolo “Inocência” até os dias atuais, a dança e o teatro, a música fronteiriça do cancioneiro até os seus pioneiros, as salas de cinema, a televisão, a culinária, a arquitetura, a cultura popular com folclore e a arte indígena, além de obras que descrevem a saga dos imigrantes, de nossas figuras históricas, homens e mulheres pioneiros, futebol feminino, entre outras manifestações que fazem parte do nosso acervo bibliográfico e cultural.

As Exposições Literárias da Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaías Paim oferecem mensalmente um tema e expõem livros relacionados que já integram o acervo da biblioteca.

Serviço:


A exposição estará disponível para visitação durante o mês de dezembro e os empréstimos e reservas dessas obras podem ser realizados normalmente.

A Biblioteca Pública Estadual Isaías Paim fica no segundo andar do Memorial da Cultura, na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 559. Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h30h às 17h30 horas. No local estão disponíveis à sociedade cerca de 35.000 títulos para empréstimo e/ou consulta.

Para se associar à Biblioteca Pública Estadual é necessário um comprovante de residência, uma foto 3×4, um documento de identidade e a taxa de R$ 5,00 (por semestre) para a manutenção do acervo. Outras informações nos telefones: (67)3316-9161 (67) 3316-9175 e (67) 3316-9176.

Jornal Midiamax