Geral

Expogrande 2011: Presidente da Acrissul diz que imbróglio foi “esforço desnecessário”

O presidente da Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), Francisco Maia, disse que as discussões e debates envolvendo Prefeitura, Tribunal de Justiça, Câmara dos Vereadores, Ministério Público Estadual e a própria Acrissul foram um “esforço desnecessário”. Ele participa neste momento da cerimônia de lançamento da 73ª edição da Expogrande. Desde o dia […]

Arquivo Publicado em 15/03/2011, às 00h15

None
168839754.jpg

O presidente da Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), Francisco Maia, disse que as discussões e debates envolvendo Prefeitura, Tribunal de Justiça, Câmara dos Vereadores, Ministério Público Estadual e a própria Acrissul foram um “esforço desnecessário”. Ele participa neste momento da cerimônia de lançamento da 73ª edição da Expogrande.


Desde o dia 26 de janeiro, uma liminar no Tribunal de Justiça proibiu a realização de eventos musicais no Parque de Exposições Laucídio Coelho. Maia disse ainda que, graças ao entendimento, os shows estão garantidos.


“Os produtores vieram em peso para cá hoje, que eu pensei que eles tinham vindo para um show”, disse em tom de brincadeira.

Jornal Midiamax