Geral

Estudante de 17 anos reage a tentativa de estupro dentro de casa e quase é degolada

O suspeito, preso com 24 papelotes de pasta-base, seria companheiro de uma amiga da estudante. Ele cortou o pescoço da jovem, mas não conseguiu consumar o estupro. Caso aconteceu no bairro Aero Rancho, em Campo Grande.

Arquivo Publicado em 23/06/2011, às 13h31

None

O suspeito, preso com 24 papelotes de pasta-base, seria companheiro de uma amiga da estudante. Ele cortou o pescoço da jovem, mas não conseguiu consumar o estupro. Caso aconteceu no bairro Aero Rancho, em Campo Grande.

Uma estudante de 17 anos está internada no Hospital Regional com um corte profundo na garganta que levou após uma tentativa de estupro. O ataque aconteceu dentro da casa dela, no bairro Aero Rancho, região sul de Campo Grande, e o suspeito já está detido.


Segundo informações da Polícia Militar, no começo da manhã desta quinta-feira (23) a jovem procurou ajuda de vizinhos já ensanguentada. Ela contou que, por volta das seis horas, um homem conhecido no bairro como ‘Nego’ teria entrado na casa dela e tentado estuprá-la.


Como ela reagiu, ele tentou degolá-la, mas desistiu e a deixou ferida.


Os vizinhos acionaram a polícia, que encaminhou a jovem para o Hospital e, com base na descrição que ela deu do suspeito, prendeu L.A.S.R, de 24 anos, que estava com 24 papelotes de pasta-base no momento da abordagem.


Segundo os policiais, ele apresenta comportamento visivelmente alterado, provavelmente pelo consumo de drogas, e tem diversas passagens por violência doméstica. Além de responder pelo ataque, ele deve ser indiciado por tráfico de drogas.


A mãe da estudante está neste momento na delegacia prestando depoimento e registrando o Boletim de Ocorrência. A jovem está fora de risco, em estado estável e segue internada em observação, segundo familiares que falaram com os profissionais que atenderam ela no HRMS.


A vítima contou que sentiu apenas “que estava sendo enforcada, e depois o corte”. Ela informou que o estupro não foi consumado. Há informações, não confirmadas, de que ‘Nego’ seria companheiro de uma amiga da estudante.

Jornal Midiamax