Geral

Em Campo Grande, IPC registra aumento de 0,21%

Em Campo Grande, o IPC (Índice de Preços ao Consumidor) registrou alta de 0,21% na primeira quinzena de março, segundo o Nepes (Núcleo de Estudos e Pesquisas Econômicas e Sociais) da Universidade Anhanguera-Uniderp. Os grupos de alimentação e transporte foram os responsáveis pelo aumento. Segundo o Nepes, os produtos que mais subiram de preço foram: […]

Arquivo Publicado em 17/03/2011, às 11h39

None

Em Campo Grande, o IPC (Índice de Preços ao Consumidor) registrou alta de 0,21% na primeira quinzena de março, segundo o Nepes (Núcleo de Estudos e Pesquisas Econômicas e Sociais) da Universidade Anhanguera-Uniderp. Os grupos de alimentação e transporte foram os responsáveis pelo aumento.

Segundo o Nepes, os produtos que mais subiram de preço foram: repolho 20,88%; pepino 19,23%; cenoura 18,21%; abacaxi 17,78%; maracujá 17,35%; batata 15,47%; alface 15,02%; melão 14,30%; salsa 13,24% e farinha de trigo 11,70%.

No caso da carne bovina, enquanto alguns cortes tiveram alta, como: cupim 13,60%; peito 12,10%; coxão-mole 6,79%; e acém 5,96%; outros apresentaram queda no preço, exemplo: filé mignon (-8,88%); contra-filé (-8,33%); lagarto (-5,53%) e picanha (-3,91%).

Já no Grupo Transportes, altas foram registradas nos valores dos automóveis novos 6,28% e do etanol 3,97%.

Jornal Midiamax