Geral

Delegação indiana retoma contato militar com a China

Uma delegação do Exército da Índia iniciou hoje uma visita à China, a primeira desde que os dois países decidiram retomar seus contatos militares, interrompidos após um conflito diplomático em agosto de 2010. A delegação indiana, composta por oito membros e liderada pelo general destinado na Caxemira, Gurmeet Singh, deve visitar Pequim e depois a […]

Arquivo Publicado em 19/06/2011, às 17h26

None

Uma delegação do Exército da Índia iniciou hoje uma visita à China, a primeira desde que os dois países decidiram retomar seus contatos militares, interrompidos após um conflito diplomático em agosto de 2010. A delegação indiana, composta por oito membros e liderada pelo general destinado na Caxemira, Gurmeet Singh, deve visitar Pequim e depois a cidade ocidental de Urumqi, na província de Xinjiang.

Fontes do governo indiano declararam aos meios de comunicação que o general Singh recebeu um visto normal, após a Índia ter rejeitado a prática chinesa de grampear os vistos que dava aos cidadãos caxemirianos, forma sutil de diferenciá-los do resto. A Índia tinha decidido paralisar suas visitas depois que a China negou um visto a um general indiano destinado na parte indiana da região histórica da Caxemira, cujo território é dividido e disputado entre os dois gigantes asiáticos e o Paquistão.

A decisão de retomar a cooperação em Defesa foi adotada em abril deste ano, durante uma cúpula realizada em Sanya (China) com presença dos dirigentes de ambos países, além da Rússia, Brasil e África do Sul (o grupo chamado Brics). A relação bilateral entre Índia e China é complicada: ambos reivindicam territórios sob soberania da outra parte e protagonizaram um longo histórico de desencontros, com a guerra de 1962 como ponto culminante. As informações são da Dow Jones.

Jornal Midiamax