Geral

Criação do Observatório Social de Campo Grande será analisado na OAB/MS

Baseado nos Observatório Social de Maringá e do Brasil que surgiram com a finalidade de fiscalizar a aplicação dos recursos públicos e combater à corrupção, o Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Federal, Conselho Regional de Contabilidade e Grande Loja Maçônica, com apoio de outras entidades, realizarão uma assembleia no auditório da Ordem dos Advogados […]

Arquivo Publicado em 09/05/2011, às 11h13

None

Baseado nos Observatório Social de Maringá e do Brasil que surgiram com a finalidade de fiscalizar a aplicação dos recursos públicos e combater à corrupção, o Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Federal, Conselho Regional de Contabilidade e Grande Loja Maçônica, com apoio de outras entidades, realizarão uma assembleia no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil de MS, em Campo Grande às 18h30 do próximo dia 2 de junho, onde será analisado a constituição do Observatório na Capital.

Após a institucionalização do movimento, foram criados observatórios em outros estados, formando a Rede (OSB) de Controle Social, com metodologia padronizada e ações integradas.

Após a criação do estatuto e baseado na frase “vergonha é não fazer nada”, as entidades relacionadas acima, estão visitando outras entidades civis organizadas, no intuito de angariar recursos materiais e humanos para a instalação do Observatório Social de Campo Grande.

Jornal Midiamax