Geral

Construção do novo aterro sanitário de Chapadão do Sul devem terminar em dezembro

O promotor de justiça e meio ambiente, Rodrigo Yshida Brandão disse que está satisfeito com a obra de construção do aterro sanitário de Chapadão do Sul. Ele esteve no local nesta segunda-feira acompanhado pelo Prefeito Jocelito Krug, vereadores e secretários. De acordo com o promotor, houve atrasos na obra em função de alguns serviços terceirizados, […]

Arquivo Publicado em 29/11/2011, às 10h57

None

O promotor de justiça e meio ambiente, Rodrigo Yshida Brandão disse que está satisfeito com a obra de construção do aterro sanitário de Chapadão do Sul. Ele esteve no local nesta segunda-feira acompanhado pelo Prefeito Jocelito Krug, vereadores e secretários.


De acordo com o promotor, houve atrasos na obra em função de alguns serviços terceirizados, contudo, isso não prejudicou o andamento dos trabalhos. Para ele, é uma obra de grande porte e que terá a sua real importância daqui alguns anos.


Brandão voltou a enaltecer o bom diálogo entre o Ministério Público e o Poder Público Municipal, e lembrou que o município vem cumprindo tudo o que foi acordado, sem a necessidade de um Termo de Ajustamento de Conduta.


O Prefeito Jocelito Krug disse durante a visita que o aterro sanitário vai atender as necessidades de Chapadão pelos próximos 20 anos. “É um dos mais modernos da região com grande capacidade e funcionabilidade”, ressaltou.


A previsão é que ainda no mês de dezembro o lixo não reaproveitável já seja destinado para novo aterro. A mudança será progressiva, assim como a recuperação do aterro controlado que existe atualmente.


Além das lagoas, que estão quase prontas, também já está em andamento a obra do setor administrativo e em breve será iniciada a construção do barracão que abrigará as prensas e a esteira de separação.


Além da construção do aterro, a Prefeitura vai investir em campanhas de conscientização da população sobre a separação correta do lixo, em uma ampla reestruturação de todo o processo de recolhimento de lixo urbano.


O novo aterro está sendo construído nos fundos da Fazenda Passo Fundo em uma área de 10 hectares.


A visita nesta segunda-feira (28) foi acompanhada pelo Presidente da Câmara Maiquel de Gasperi, pelos vereadores Elso Bandeira, Ilton Henrichsen, Levi da Silva, Guerino Perius, a vereadora Nilzete Pereira e os secretários Marcelo Bexiga (SEDEMA) e Luiz Córdova Júnior (Obras).

Jornal Midiamax