Geral

Conselho de Segurança das Moreninhas promove painel sobre Narcóticos Anônimos

Visando levar esclarecimentos à população e a prevenção frente aos malefícios que as drogas causam à saúde física e psíquica dos dependentes, o Conselho Comunitário de Segurança Pública (CCS) da região das Moreninhas, em parceria com os Narcóticos Anônimos (NA), realizam nesta sexta-feira (18) um painel sobre a “irmandade” NA. O encontro, baseado em ações […]

Arquivo Publicado em 18/03/2011, às 11h33

None

Visando levar esclarecimentos à população e a prevenção frente aos malefícios que as drogas causam à saúde física e psíquica dos dependentes, o Conselho Comunitário de Segurança Pública (CCS) da região das Moreninhas, em parceria com os Narcóticos Anônimos (NA), realizam nesta sexta-feira (18) um painel sobre a “irmandade” NA.

O encontro, baseado em ações da filosofia da Polícia Comunitária, irá reunir integrantes da comunidade escolar e das igrejas, lideranças comunitárias, associações de moradores das moreninhas e região, representantes dos Conselhos Comunitários de Segurança com o objetivo de apresentar a todos os trabalhos de apoio e recuperação aos dependentes químicos desenvolvidos pelos Narcóticos Anônimos, para a possível instalação do grupo no próprio bairro.

Tratando o uso de drogas como uma doença grave, os Narcóticos Anônimos (NA) são instituição sem fins lucrativos existente em 160 países há mais de 50 anos, que se dedica à recuperação dos dependentes químicos. Na maioria dos casos, o uso de drogas leva o cidadão dependente a cometer crimes para manter o vício, tornando-se assim um malfeitor para toda a comunidade.

Por meio de reuniões, realizadas por ex-dependentes, os NA transmitem aos dependentes que existe um problema, oferecendo ajuda para que possam fazer uma autoavaliação, partilhada em nível confidencial, reparando danos causados pelo uso de drogas. De acordo com o investigador da Polícia Civil Francisco de Melo, um dos organizadores do encontro, a instalação de um grupo de Narcóticos Anônimos na região é muito importante para a comunidade. “A comunidade das moreninhas é bastante engajada na filosofia da Polícia Comunitária, seja através das ações de Mediação e palestras realizadas pela 4ª Delegacia da Polícia Civil junto às escolas da região, seja por meio da atuação do Conselho Comunitário de Segurança”, informou.

A problemática das drogas foi detectada como um problema que vem afligindo a comunidade. Então a própria comunidade precisa se unir, com os órgãos de segurança, para apresentar soluções à questão, explicou o investigador.

Serviço

A palestra de apoio e recuperação aos dependentes químicos é aberta a toda comunidade e será realizada na próxima quinta-feira (18), no Centro Comunitário das Moreninhas I e II, localizado na rua Anacá, esquina com a rua Palmácea, a partir das 19 horas.

Jornal Midiamax