O Canasul (Congresso da Cana de Mato Grosso do Sul) inicia nesta segunda-feira (7) em Dourados, e segue até quarta-feira (9) com 12 palestras, uma amostra de produtos para o setor sucroenergético e rodada de negócios. O evento acontece no centro de eventos Unigran, no Jardim Universitário, e tem como foco principal desenvolver a cadeia produtiva da cana-de-açúcar no estado.

A abertura oficial da feira será às 20h, com fala das autoridades, e entre elas, o prefeito do município, Murilo Zauith, diretores de instituições ligadas ao setor sucroenergético e palestra de Ricardo Dornelles, diretor do Departamento de Combustíveis Renováveis do Ministério de Minas e Energia.

Na terça e quarta-feira serão realizadas as palestras. A mostra de produtos e serviços, organizada pelo Sebrae, acontece de segunda (7) até quarta-feira (9), das 13h às 18h. São 20 estandes de empresas prestadoras de serviços e fornecedoras voltadas para o setor sucroenergético. Na terça-feira (8) tem a reunião mensal Gegis (Grupo de Estudos em Gestão Industrial do Setor Sucroalcooleiro), das 8h às 12h.

O Canasul está apenas na sua quinta edição, mas já é um dos maiores eventos do setor sucroenergético do Brasil. As primeiras edições foram em Campo Grande e agora acontece em Dourados, já que a cidade é o centro de uma região de 15 usinas de grande porte.

As inscrições para as palestras e a amostras de produtos e serviços do Canasul 2011 estão disponíveis no site do Sebrae/MS (www.ms.sebrae.com.br) e também no local do evento. As inscrições para as palestras custam R$ 30, mas para estudante esse valor cai para R$ 15, porém é obrigatória a apresentação da carteirinha com foto. Já a inscrição para entrar na área de estandes da amostra é de graça.