Confiança do setor de serviços na economia atinge menor nível desde janeiro

O ICS (Índice de Confiança de Serviços), apurado pela FGV (Fundação Getulio Vargas), caiu em novembro deste ano pelo quarto mês consecutivo. O indicador, que mede a confiança de empresários do setor de serviços na economia do país, diminuiu 0,6%, ao passar de 129,7 pontos em outubro para 128,9 pontos em novembro, atingindo o menor […]
| 06/12/2011
- 15:34
Confiança do setor de serviços na economia atinge menor nível desde janeiro

O ICS (Índice de Confiança de Serviços), apurado pela FGV (Fundação Getulio Vargas), caiu em novembro deste ano pelo quarto mês consecutivo. O indicador, que mede a confiança de empresários do setor de serviços na economia do país, diminuiu 0,6%, ao passar de 129,7 pontos em outubro para 128,9 pontos em novembro, atingindo o menor patamar desde janeiro deste ano (128,2). Em relação ao mesmo período de 2010, houve queda de 2,2%.

De acordo com o documento da FGV, o resultado “confirma a suave desaceleração da atividade do setor” e foi influenciado pela queda de 2,3% no Índice de Expectativas, subíndice que avalia as perspectivas para os próximos meses. Ao atingir 138,4 pontos, o Índice de Expectativas apresentou o menor nível desde dezembro de 2010 (135,6).

Entre as 2.747 empresas consultadas, a proporção que prevê aumento da demanda diminuiu de 49,7% para 44,5% de outubro para novembro, enquanto a parcela das que esperam queda aumentou de 6,3%% para 8,6% do total.

Já o Índice da Situação Atual aumentou 1,4% e atingiu 119,5 pontos em novembro. A parcela das empresas que avaliam a situação atual como boa passou de 36,4% para 38,9%. Já a das que a consideram ruim diminuiu de 12,6% para 11,1%.

Para calcular o ICS, foram coletados dados entre 3 e 30 de novembro.

 

Veja também

A página foi criada para dar mais transparência sobre publicidade eleitoral exibida por meio de todas as plataformas da empresa

Últimas notícias