Geral

Comissão debate Programa Antártico Brasileiro e monitoramento do clima no Pólo Sul

A Comissão Mista Permanente sobre Mudanças Climáticas (CMMC) realiza audiência pública na próxima quarta-feira (26), às 14h, para divulgar e debater o Programa Antártico Brasileiro (Proantar), especialmente quanto ao monitoramento e acompanhamento das mudanças climáticas no continente antártico e seus impactos no território brasileiro. Na última reunião da CMMC, o presidente do ...

Arquivo Publicado em 22/10/2011, às 10h25

None

A Comissão Mista Permanente sobre Mudanças Climáticas (CMMC) realiza audiência pública na próxima quarta-feira (26), às 14h, para divulgar e debater o Programa Antártico Brasileiro (Proantar), especialmente quanto ao monitoramento e acompanhamento das mudanças climáticas no continente antártico e seus impactos no território brasileiro.


Na última reunião da CMMC, o presidente do colegiado e autor do requerimento de convocação da reunião, senador Sérgio Souza (PMDB-PR), relatou a visita que fez, a convite da Marinha brasileira, à Antártica.


De acordo com Sérgio Souza, a península antártica, que avança em direção ao continente sul-americano, tem sofrido fortes efeitos do aquecimento global. Ele ressaltou, porém, que o restante do continente está relativamente bem preservado.


Segundo o senador, caso a maior parte da camada de gelo da antártica ocidental venha a se derreter, devido a uma elevação de 5ºC da temperatura da água, o nível do mar pode subir em até sete metros, provocando grandes inundações ao redor de todo o globo.


Para participar da audiência foram convidados o contra-almirante Marcos José de Carvalho Ferreira, secretário da Comissão Interministerial para os Recursos do Mar; o capitão-de-mar-e-guerra, Márcio Renato Leite; a gerente de Biodiversidade Aquática e Recursos Pesqueiros do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Mônica Brick Peres; a analista ambiental da Gerência de Biodiversidade Aquática do IBAMA, Jaqueline Leal Madruga; e o professor doutor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Jefferson Cárdia Simões.

Jornal Midiamax