Geral

Com equipe em Paris e Moscou neste mês, Funtur gastou R$ 37 mil de passagem aérea

Só em passagens aéreas, a Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Funtur-MS) gastou R$ 37.490,53 somente neste mês de setembro. Foram R$ 20.817,48 só para estar em uma feira internacional de turismo em Paris. Participam da ‘Top Resa’ apenas três servidoras. Além da diretora-presidente da Funtur, Nilde Brun, viajaram para a capital francesa […]

Arquivo Publicado em 22/09/2011, às 14h59

None
1060253564.jpg

Só em passagens aéreas, a Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Funtur-MS) gastou R$ 37.490,53 somente neste mês de setembro. Foram R$ 20.817,48 só para estar em uma feira internacional de turismo em Paris. Participam da ‘Top Resa’ apenas três servidoras.


Além da diretora-presidente da Funtur, Nilde Brun, viajaram para a capital francesa as servidoras Evânia Gomes de Moraes Marsiglia e Maria Inês Gonçalves de Oliveira do Amaral. A passagem aérea das duas custou, segundo a Secretaria de Administração, R$ 13.878,32 aos cofres públicos.


Já a da presidente ficou em mais R$ 6.939,16. As três embarcaram em Campo Grande com destino a Paris no último dia 18, às 16h32, e devem embarcar para o retorno no dia 25, às 12h50. O evento no qual representam MS, no entanto, dura oficialmente apenas entre 20 e 23 de setembro.


Segundo o governo do Estado, a participação das servidoras é “uma importante ação para a promoção e divulgação do turismo de Mato Grosso do Sul”. Ainda neste mês, as três já estiveram em Recife nos últimos dias 15 e 16, com custo de passagens aéreas para a equipe de R$ 5.448,03.


Nilde Brun diz que nos últimos cinco anos o governo “tem investido de forma significativa no mercado internacional”. A intenção da viagem é divulgar a rota turística do Pantanal para turistas estrangeiros. “Esses investimentos têm trazido significativos resultados em Mato Grosso do Sul”, garante a diretora-presidente da Fundtur.


Além da França, MS também enviou uma servidora para a Rússia. Alessandra Kelly Rocha Fernandes embarcou no último dia 18, às 16h32, com destino a Moscou. Ela deve voltar no dia 26, e a passagem aérea custou mais R$ 7.225,82 para o Governo Estadual.


A agenda das viagens para a equipe da Fundação é intensa até o final do ano.


Após o “Top Resa”, em Paris, e a presença na “Leisure”, em Moscou, no dia 28 de setembro os agentes participam da “BNT Mercosul, em Buenos Aires, Argentina; entre os dias 29 de outubro e 1º de novembro, o Estado será representado a “FIT Bue”, também em Buenos Aires; nos dias 5 e 6 de novembro, será a vez da “FIT Par”, em Assunção, no Paraguai e entre os dias 7 e 10 de novembro, a Fundação de Turismo estará na “WTM”, em Londres, no Reino Unido.

Jornal Midiamax