Geral

Ceni pega pênalti, Lucas faz golaço, e líder São Paulo vence o Ceará: 2 a 0

A molecada do São Paulo fez história no Campeonato Brasileiro neste domingo. Com sete desfalques por problemas físicos e oito jogadores vindos das categorias de base, o Tricolor superou a pressão de atuar no estádio Presidente Vargas e venceu o Ceará por 2 a 0, em Fortaleza, mantendo a liderança e os 100% de aproveitamento. […]

Arquivo Publicado em 19/06/2011, às 20h02

None
38039697.jpg

A molecada do São Paulo fez história no Campeonato Brasileiro neste domingo. Com sete desfalques por problemas físicos e oito jogadores vindos das categorias de base, o Tricolor superou a pressão de atuar no estádio Presidente Vargas e venceu o Ceará por 2 a 0, em Fortaleza, mantendo a liderança e os 100% de aproveitamento. Principal jóia da nova geração do clube, Lucas fechou o placar com um golaço driblando até o goleiro Fernando Henrique. Marlos fez o outro. Destaque também para Rogério Ceni por defender um pênalti no primeiro tempo e realizar defesas milagrosas na etapa final.


O triunfo no Nordeste não só confirma a reação do São Paulo após o fracasso na Copa do Brasil como dá ao São Paulo um feito inédito. Desde 2003, quando o sistema de pontos corridos foi adotado, nenhuma equipe havia obtido cinco vitórias consecutivas nas primeiras rodadas. Com o ótimo início no torneio, o Tricolor dispara na ponta da classificação, agora com 15 pontos, quatro a mais que o Palmeiras. Na próxima rodada, faz o clássico contra o Corinthians, domingo, às 16h, no Pacaembu.


Lucas, aliás, vai desfalcar a equipe diante do rival. O jogador se apresentará ainda nesta semana à Seleção Brasileira para disputar a Copa América, na Argentina. O Tricolor perderá também, a partir de 7 de julho, Bruno Uvini, Casemiro, Henrique e Willian José, chamados para o Mundial sub-20.


Já o Ceará entra em desespero com a má campanha. O Vozão, goleado pelo Atlético-GO na rodada anterior, segue sem vencer em casa, estaciona nos quatro pontos e começa a temer o fantasma de disputar a Série B em 2012. O técnico Vágner Mancini, muito criticado pela torcida, pode perder o emprego nos próximos dias.

Jornal Midiamax