A Campanha “Paz no Trânsito – Uma lição de amor à vida”, que é uma Iniciativa da Assembleia Legislativa com a participação de diversas entidades, marcou presença no desfile do aniversário de 112 anos de Campo Grande, nesta sexta-feira (26). No desfile, palavras de ordem e faixas alertaram sobre os riscos de desrespeitar as regras no trânsito. “Quem vai com pressa demais, deixa a vida para trás” e “Celular desvia sua atenção. “Falar e dirigir não”, diziam algumas faixas.

 A participação da campanha no desfile recebeu elogio do governador André Puccinelli (PMDB). “A campanha é muito importante. Um dos problemas maiores são os acidentes”, disse. “A festa do aniversário de Campo Grande está cada vez melhor. Desta vez, atraiu, creio que umas 50 mil pessoas”, acrescentou. O prefeito Nelsinho Trad (PMDB) também não poupou elogios. “A campanha de cidadania é muito importante para a conscientização do trânsito”, afirmou.

Os deputados Junior Mochi (PMDB) e Marcio Fernandes (PTdoB) também marcaram presença, Mochi afirmou que Campo Grande tem motivos de sobra para celebrar, por ser “a mais linda Capital do País” e estar recebendo investimentos de R$ 520 milhões. Ele falou do sucesso da campanha de trânsito. “A iniciativa deu certo. A Mesa Diretora acertou em cheio nossa parceria”, disse.

Para Marcio Fernandes, o sentimento da Assembleia Legislativa é de dever cumprido. “Sem dúvida, a Assembleia marca um gol de placa. A violência no trânsito é um dos maiores problemas que a cidade apresenta e com esse gesto de conscientização ela está de parabéns”, afirmou.

Presidente da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Rudel Trindade Junior avaliou que a campanha é um sucesso. “Hoje é o 10º dia sem mortes no trânsito da Capital. É um recorde. Campo Grande está dando um exemplo enorme de união”, frisou. Ele acredita ser preciso garantir a continuidade das campanhas de conscientização e a união das mais diversas instituições. O desfile pela rua 14 de Julho contou com 65 entidades e cerca de 9.000 pessoas.