Geral

Bombeiros correm contra o tempo para resgatar criança com vida no Lixão

De acordo com informações do Capitão André, do Corpo de Bombeiros, ele disse que ainda há possibilidade de encontrar a criança com vida. “Se ele tiver conseguido ficar em um local que tenha espaço para respirar e não tenha fumaça. Ainda há esperanças”

Arquivo Publicado em 28/12/2011, às 21h23

None
1017816443.jpg

De acordo com informações do Capitão André, do Corpo de Bombeiros, ele disse que ainda há possibilidade de encontrar a criança com vida. “Se ele tiver conseguido ficar em um local que tenha espaço para respirar e não tenha fumaça. Ainda há esperanças”

Vários catadores de lixo e cinco Bombeiros de Campo Grande estão mobilizados para resgatar criança que foi soterrada no Lixão de Campo Grande, nesta quarta-feira (28), por volta das 17h10, que fica no Macroanel, na saída para Sidrolândia, em Campo Grande.
A criança foi identificada como M.C., um menino de 9 anos de idade. Sua mãe, Lucineide Correa, de 31 anos, continua desesperada por não saber notícias precisas sobre o estado do seu filho.


De acordo com informações do Capitão André, do Corpo de Bombeiros, ele disse que ainda há possibilidade de encontrar a criança com vida. “Se ele tiver conseguido ficar em um local que tenha espaço para respirar e não tenha fumaça. Ainda há esperanças”, destacou o bombeiro.


Apesar dos populares disserem que as crianças estavam brincando no Lixão, Vilmar Lima, de 49 anos, catador de lixo há quatro anos, informou que ele estava no local no momento da tragédia e pode acompanhar tudo. Ele contou que tinham três meninos catando lixo e que ele viu quando começou a desmoronar barranco.


Vilmar tentou avisar cinco pessoas que estavam dentro do buraco catando lixo e os meninos. As duas crianças escorregaram com o barranco, mas apenas M.C. foi soterrado, quanto aos demais ainda não sabe informar. “Eu vi que duas pessoas que estava lá no buraco escaparem. Mas não vi o que aconteceu com os outros”, contou Vilmar.

Jornal Midiamax