Geral

BC muda regras de compulsório a prazo para otimizar liquidez

O Banco Central anunciou nesta quinta-feira a mudança de algumas regras do recolhimento de depósito compulsório sobre recursos a prazo. “A decisão visa a otimizar a liquidez do sistema financeiro e possibilitar o alongamento do perfil de captação das instituições financeiras”, afirmou o BC, em comunicado. O pacote limita a remuneração dos valores recolhidos sob […]

Arquivo Publicado em 23/12/2011, às 00h26

None

O Banco Central anunciou nesta quinta-feira a mudança de algumas regras do recolhimento de depósito compulsório sobre recursos a prazo.


“A decisão visa a otimizar a liquidez do sistema financeiro e possibilitar o alongamento do perfil de captação das instituições financeiras”, afirmou o BC, em comunicado.


O pacote limita a remuneração dos valores recolhidos sob a forma de compulsório sobre recursos a prazo a 73 por cento da exigibilidade em 24 de fevereiro, percentual que será reduzido para 64 por cento em 27 de abril do ano que vem.


Além disso, o BC permitirá a inclusão das letras financeiras entre os ativos elegíveis para dedução do recolhimento da exigibilidade sobre recursos a prazo.


Adicionalmente, o BC mudou o critério de elegibilidade dos bancos, cujos valores de referência do Nível I do patrimônio de referência caem de 2,5 bilhões para 2,2 bilhões de reais, com data base de 30 de junho último.


Por fim, a autoridade monetária modificou o prazo para contratação de Depósitos Interfinanceiros (DIs), para fins de dedução, para 29 de junho de 2012 e retirada de prazo limite para os demais ativos.

Jornal Midiamax