O Barcelona certamente levou o jogo contra o Milan com o peso que a Liga dos Campeões merece. Não foi um show de bola daqueles que o torcedor está acostumado a assistir. O placar, inclusive, foi apertado – até porque o adversário não era o Osasuna, e sim um time que carrega cinco títulos desta que é a maior competição do continente. Mas em campo, ali no gigante e histórico San Siro, Messi & Cia. pareciam estar brincando. Ao seu estilo predileto, os catalães envolveram e derrotaram os italianos, por 3 a 2, nesta quarta-feira, pela quinta rodada do Grupo H, e garantiram o primeiro lugar rumo às oitavas de final.

O triunfo, é claro, teve participação de Lionel Messi. Após uma paradinha anulada, o craque argentino anotou o seu primeiro gol contra os italianos, de pênalti, e ainda deu a assistência para Xavi marcar o gol decisivo. Van Bommel, contra, completou para os visitantes, enquanto Ibrahimovic e Boateng, em um golaço, descontaram.

O resultado levou a equipe do técnico Josep Guardiola aos 13 pontos, contra oito dos italianos, que também têm a segunda vaga assegurada. No outro jogo da chave, o Viktoria Plzen derrotou o BATE Borisov, fora de casa, e pintou como grande candidato à vaga na Liga Europa. Os tchecos somam quatro pontos, contra dois dos bielorrussos.

A sexta e última rodada, praticamente para cumprir tabela, será disputada no dia 6 de dezembro, uma terça-feira. O Barcelona recebe o BATE no Camp Nou. Já o Milan vai até a República Tcheca enfrentar o Viktoria Plzen.