Geral

Banco de Leite é desativado pela primeira vez em Durados

O Banco de Leite de Dourados, projeto que incentiva o aleitamento materno e auxilia na recuperação dos bebês pré-maturos, está desativado desde a troca do Hospital da Mulher para o Hospital Universitário de Dourados (HU), ocorrida no final do mês de dezembro. É a primeira vez que o projeto é paralisado. Uma doadora de leite, […]

Arquivo Publicado em 26/01/2011, às 14h56

None

O Banco de Leite de Dourados, projeto que incentiva o aleitamento materno e auxilia na recuperação dos bebês pré-maturos, está desativado desde a troca do Hospital da Mulher para o Hospital Universitário de Dourados (HU), ocorrida no final do mês de dezembro. É a primeira vez que o projeto é paralisado.

Uma doadora de leite, que preferiu não se identificar, disse que não foi nem informada sobre a pausa no atendimento.

“Quero saber porque o Banco de Leite de Dourados está parado. Sou doadora e assim como todas estou jogando o meu leite fora, porque não tem visitas. Isso é um absurdo, tem bebê precisando de leite materno, e nós temos, mas ninguém se importa em buscar”, disse.

O Banco de Leite funcionava no Hospital da Mulher e, com a transferência dos hospitais, ficará alocado no Hospital da Vida. Segundo o secretário de Saúde, David Rodrigues Infante Vieira, foi por causa desta troca que ocorreu a paralisação do projeto.

“O Hospital Universitário não tem a estrutura definida que o Hospital da Vida tem, não seria o ideal [ficar separado da ala pediátrica], mas vai ficar lá até o HU se adequar”, disse.

Vieira informou que a recuperação dos recém-nascidos tem sido feita com o estoque que o Banco tinha e disse que não houve como programar a adequação do Banco de Leite no novo local para que a paralisação dos serviços fosse evitada.

O secretário apontou que outro aspecto envolvido nessa mudança é a situação dos servidores do projeto. “Os funcionários eram contratados pelo Hospital Evangélico e agora vai ter que contratar pela Fundação Municipal de Saúde”, finalizou.

Ainda não há um prazo preciso para o retorno das atividades do Banco de Leite.

Jornal Midiamax