Atentado no Afeganistão deixa 54 mortos

Um atentado suicida em Cabul, no Afeganistão, contra uma uma procissão xiita da Ashura, matou 54 pessoas e deixou 150 feridas, segundo informações de um porta voz do Ministério da Saúde afegão. A festa da Ashura é uma das mais importantes para os xiitas. Os ataques ainda não foram reivindicados, mas os talibãs – sunitas […]
| 06/12/2011
- 15:25
Atentado no Afeganistão deixa 54 mortos

Um atentado suicida em Cabul, no Afeganistão, contra uma uma procissão xiita da Ashura, matou 54 pessoas e deixou 150 feridas, segundo informações de um porta voz do Ministério da Saúde afegão. A festa da Ashura é uma das mais importantes para os xiitas.

Os ataques ainda não foram reivindicados, mas os talibãs – sunitas radicais – acusaram os xiitas, que são minoria no Afeganistão, de heresia e proibiram-nos de celebrar o rito quando estiveram no poder, entre 1996 e 2001.

O balanço tem como base a soma dos números dados pelos diferentes hospitais da capital afegã.

O atentado foi o que provocou maior número de mortos em Cabul, desde o cometido contra a embaixada da Índia em julho de 2008, do qual resultaram mais de 60 mortos.

Veja também

A página foi criada para dar mais transparência sobre publicidade eleitoral exibida por meio de todas as plataformas da empresa

Últimas notícias