Geral

Após altas na previsão, semana começa com corte na estimativa de inflação em 2011

O mercado reduziu sua previsão de inflação neste ano após oito semanas de alta, e voltou a elevar o cenário para a taxa de juro no ano que vem, segundo o relatório Focus divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira (9). A estimativa para a alta do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em […]

Arquivo Publicado em 09/05/2011, às 10h48

None

O mercado reduziu sua previsão de inflação neste ano após oito semanas de alta, e voltou a elevar o cenário para a taxa de juro no ano que vem, segundo o relatório Focus divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira (9).


A estimativa para a alta do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2011 caiu para 6,33 por cento, ante 6,37 por cento na semana anterior. O prognóstico para 2012 manteve-se em 5 por cento.


A meta do governo para ambos os anos para a inflação tem centro em 4,5 por cento e tolerância de dois pontos percentuais.


A previsão para a inflação em 12 meses caiu pela segunda semana, para 5,27 ante 5,34 por cento.


A previsão para a taxa Selic neste ano ficou estável em 12,50 por cento, enquanto a em 2012 foi elevada de 12 para 12,25 por cento.


Para o crescimento do Produto Interno Bruto, a previsão do mercado para 2011 foi mantida em 4,00 por cento, enquanto que a estimativa para 2012 foi ligeiramente reduzida para 4,21 por cento, de 4,25 por cento.


O prognóstico para a taxa de câmbio neste ano ficou estável em 1,62 real. A projeção para o dólar em 2012 ficou em 1,70 real. (Por Vanessa Stelzer; Edição de Nathália Ferreira)

Jornal Midiamax