Geral

Zeca do PT participa de Ato pró-Dilma em Ponta Porã

Em sua fala Zeca do PT fez questão de ressaltar que o momento agora é o de lutar para eleger Dilma presidente. “Sem ressentimentos. Agora vamos centrar todas as nossas forças dentro e fora do PT, incluindo os sete deputados que ajudamos a eleger e os aliados na eleição da companheira Dilma, para que possamos […]

Arquivo Publicado em 21/10/2010, às 20h39

None

Em sua fala Zeca do PT fez questão de ressaltar que o momento agora é o de lutar para eleger Dilma presidente. “Sem ressentimentos. Agora vamos centrar todas as nossas forças dentro e fora do PT, incluindo os sete deputados que ajudamos a eleger e os aliados na eleição da companheira Dilma, para que possamos dar continuidade ao projeto nacional iniciado pelo presidente Lula”.


Na noite da última terça-feira o ex-governador Zeca do PT participou de um ato pró-Dilma, com mais de 300 pessoas, entre empresários, trabalhadores, estudantes, professores, além de candidatos que participaram da disputa eleitoral de 2010 e simpatizantes da candidatura de Dilma Rousseff para Presidente do Brasil.


Segundo Zeca, a meta é organizar o trabalho visando dar destaque aos investimentos e programas nacionais que melhoraram a vida dos sul-mato-grossenses e que terão continuidade com a eleição de Dilma. “Não vamos parar um segundo”, adiantou o ex-governador, que anunciou, uma grande agenda com sua participação na reta final da campanha.


A partir da semana que vem Zeca do PT deverá cumprir agendas pró-Dilma em Campo Grande, Nova Andradina, Três Lagoas e Dourados.  Já Gilda do PT, que foi candidata a suplente de senador, esposa de Zeca e liderança do PT, deverá ir a Corumbá, com o deputado estadual reeleito Paulo Duarte e o prefeito Ruiter Cunha, quando também realizarão ato em prol da candidatura de Dilma.


Zeca do PT estava acompanhado do deputado federal Vander Loubet, do ex-prefeito Vagner Piantoni, do Presidente do PT de Ponta Porã, Paulinho do PT e do empresário Paulo Benites, que foi candidato a deputado estadual do PT, na região, além de diversos representantes dos partidos que compuseram a coligação ‘A Força do Povo’.

Jornal Midiamax