Geral

Sem citar Dilma, Lula diz que mulheres podem comandar

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu nesta sexta-feira a queda do “machismo arraigado” e afirmou que as mulheres “podem comandar”. As declarações foram feitas após a plateia de uma cerimônia universitária no Rio Grande do Sul gritar o nome da candidata ao Planalto, Dilma Rousseff (PT). “A mulher não está de passagem pelo […]

Arquivo Publicado em 03/09/2010, às 16h53

None

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu nesta sexta-feira a queda do “machismo arraigado” e afirmou que as mulheres “podem comandar”. As declarações foram feitas após a plateia de uma cerimônia universitária no Rio Grande do Sul gritar o nome da candidata ao Planalto, Dilma Rousseff (PT).




“A mulher não está de passagem pelo planeta. Ela não está de passagem na universidade. Ela não está de passagem no comando das empresas. Ela não está de passagem nos grandes escritórios e muito menos ela está de passagem na política”, disse Lula na cidade de Santa Maria.



“Elas vieram para ficar. E, se permitirem, elas podem comandar”, completou.



Antes da manifestação do público, o presidente falava sobre a quebra de preconceitos na política e sobre o aumento de mulheres que completam o nível de doutorado.

Jornal Midiamax