Geral

Quadrilha rende família de São Gabriel para roubar carro

Uma quadrilha composta por seis integrantes rendeu uma família de São Gabriel do Oeste, região norte do Estado, para roubar um Ford Eco Sport. Munidos com armas de calibres 12 e 38, os assaltantes invadiram uma residência na rua São Paulo, região central do município, na noite dessa segunda-feira (13). Na casa estavam seis pessoas, […]

Arquivo Publicado em 14/12/2010, às 13h38

None

Uma quadrilha composta por seis integrantes rendeu uma família de São Gabriel do Oeste, região norte do Estado, para roubar um Ford Eco Sport.

Munidos com armas de calibres 12 e 38, os assaltantes invadiram uma residência na rua São Paulo, região central do município, na noite dessa segunda-feira (13).

Na casa estavam seis pessoas, inclusive uma criança de 2 anos que ficou com uma arma apontada para sua cabeça. O objetivo da quadrilha era roubar o carro da família, um Ford Eco Sport, placas HRY-7368/MS.

Enquanto John Kener Evangelista Guido, de 24 anos, e Thiago Pereira Alves, de 19 anos, levavam o carro para Campo Grande, os outros quatro integrantes permaneceram na residência. A ordem era liberar a família depois que o Eco Sport chegasse ao seu destino. O carro foi encomendado à quadrilha, que receberia R$ 5 mil pela ação.

No entanto, os arrastadores foram parados no quilômetro 613 da BR-163, durante fiscalização de rotina da PRF (Polícia Rodoviária Federal), nos primeiros minutos desta terça-feira (14).

Como os ocupantes do Eco Sport não portavam todos os documentos obrigatórios, os policiais ficaram desconfiados e decidiram voltar com a dupla e o carro para São Gabriel do Oeste.

Durante o percurso, um dos assaltantes fez uma ligação do telefone móvel e avisou para alguém que estava voltando para a cidade, pois eles esqueceram os documentos e foram parados pela PRF. Foi a senha para que os outros quatro integrantes fugissem da casa.

Assim que foram liberados os reféns comunicaram o fato à Polícia Militar. Coincidentemente, ao chegar em São Gabriel do Oeste, a PRF foi até o Batalhão da PM, com objetivo de chegar algumas informações a respeito da dupla. Foi quando os policiais rodoviários federais descobriram a ação criminosa.

Guido e Alves foram presos em flagrante e encaminhados para a Polícia Civil. Até então, os outros integrantes da quadrilha haviam fugido, levando R$ 500,00 da família e alguns objetos.

Na manhã desta terça-feira, uma ação conjunta das polícias Civil e Militar resultou na prisão dos outros quatro envolvidos. A chefe da quadrilha, Mariane dos Reis Ferreira, de 22 anos, Diego Kaunrath (Ratão), de 19 anos, Lucas Pereira de Souza (Lucão), também de 19 anos, e uma adolescente de 16 anos, dormiam numa boca de fumo, localizada no Jardim Gramado, que foi estourada na ação conjunta.

Todos foram encaminhados para a Polícia Civil.

Jornal Midiamax