Geral

Presa por furtar desodorante é mantida trancada há 8 dias em banheiro de delegacia

A mulher é mantida no banheiro porque a cadeia construída na delegacia de Chapadão do Sul não reserva cela para mulheres

Arquivo Publicado em 29/01/2010, às 17h38

None

A mulher é mantida no banheiro porque a cadeia construída na delegacia de Chapadão do Sul não reserva cela para mulheres

Uma mulher de 23 anos de idade, acusada de furtar um desodorante de um supermercado é mantida presa há oito dias no banheiro de uma delegacia da Polícia Civil, em Chapadão do Sul, cidade 325 quilômetros distante de Campo Grande, informa o site Hora da Notícia.

O divulgado pelo Hora da Notícia diz que Loyane Souza Almeda foi detida em flagrante no dia 21 deste mês por volta das 16h30 minutos. Ela e Edson Paulo de Arruda Júnior, 27, foram acusados de invadir e furtar do Supermercado Econômico, centro da cidade, e furtarem uma bolsa, bebida alcoólica e desodorante.

De acordo com o boletim de ocorrência os acusados teriam escondido os produtos dentro de uma bolsa carregada por Edson. A dupla foi presa, mas Edson, mesmo algemado conseguiu escapar pulando um muro, mas ele foi capturado depois. Ela é mantida no banheiro a cadeia não reserva nenhuma sequer cela para mulheres.



Jornal Midiamax