Geral

PF apreende maconha hidropônica, mais potente e mais cara que a tradicional

Um tipo de apreensão que não é comum foi feita por policiais federais de Dourados, ontem (21), em fiscalização na BR 156, no trecho que liga Caarapó a Amambaí. Trata-se de 130 quilos de maconha hidropônica, cujo valor comercial é maior do que a tradicional. O entorpecente era transportado no pára-choque traseiro, no assoalho e […]

Arquivo Publicado em 22/10/2010, às 18h11

None

Um tipo de apreensão que não é comum foi feita por policiais federais de Dourados, ontem (21), em fiscalização na BR 156, no trecho que liga Caarapó a Amambaí. Trata-se de 130 quilos de maconha hidropônica, cujo valor comercial é maior do que a tradicional.

O entorpecente era transportado no pára-choque traseiro, no assoalho e atrás do banco de um veículo Santana, de cor azul. O motorista, que não teve sua identificação divulgada pela polícia, foi preso e encaminhado ao Presídio de Dourados.

A diferente entre a maconha tradicional e a hidropônica é seu cultivo. A hidropônica não é cultivada direto ao solo, mas sim com muita água e pedras. Ela pode ser produzida em laboratório, tratada e cultivada com fertilizantes e proteínas específicas de acordo com a necessidade da planta. Esse cultivo, a torna mais potente e, consequente, seu valor é muito superior àquela do cultivo habitual.

Jornal Midiamax