Geral

Palmeiras cede empate ao Ituano e deseperdiça chance de liderar

O Palmeiras cedeu empate ao Ituano por 3 a 3, neste domingo, no Parque Antarctica, depois de estar vencendo por 3 a 1 até os dez minutos finais do segundo tempo. Com o tropeço, a equipe do técnico Muricy Ramalho, que jogou com um a menos quase todo o segundo tempo, perdeu a oportunidade de […]

Arquivo Publicado em 24/01/2010, às 21h17

None

O Palmeiras cedeu empate ao Ituano por 3 a 3, neste domingo, no Parque Antarctica, depois de estar vencendo por 3 a 1 até os dez minutos finais do segundo tempo. Com o tropeço, a equipe do técnico Muricy Ramalho, que jogou com um a menos quase todo o segundo tempo, perdeu a oportunidade de assumir a liderança do Campeonato Paulista, após três rodadas disputadas.

Agora, os palmeirenses acumulam dois empates e uma vitória em três jogos, totalizando cinco pontos, contra sete do líder São Caetano –o Santos pode assumir a liderança ainda hoje, caso vença o Mogi Mirim e supere o rival nos critérios de desempate. O Ituano também chegou a cinco pontos, com o mesmo retrospecto do Palmeiras.

Antes do jogo, Muricy pediu reforços para o elenco. O treinador sente falta de peças de reposição, que, segundo ele, devem ser escolhidas com precisão “cirúrgica”. No entanto, o prognóstico da diretoria e da parceira do clube, a Traffic, não é animador.

Neste cenário, o técnico do alviverde paulistano tenta conciliar o problema com uma das armas de seu time, o entrosamento: escala seu time com força máxima, sem poupar jogadores como os arquirrivais São Paulo e Corinthians, classificados para a Libertadores, têm feito.

Individualmente, a partida marcou o reencontro de Juninho Paulista, hoje dirigente e jogador do Ituano, com o Palmeiras, seu ex-clube, fato que ele disse encarar “de forma especial”.

Jornal Midiamax