Geral

Pai e filho adolescente são baleados após atacarem PMs com foice no Jardim Anache

Rapaz de 17 anos pilotava moto com documento irregular; na apreensão do veículo, pai e filho enfrentaram os PMs, que reagiram com tiros

Arquivo Publicado em 11/07/2010, às 16h19

None

Rapaz de 17 anos pilotava moto com documento irregular; na apreensão do veículo, pai e filho enfrentaram os PMs, que reagiram com tiros

Pai e filho foram baleados ontem à noite, no Jardim Anache, em Campo Grande, ao enfrentarem com uma foice os policiais militares que iam apreender uma motocicleta com documentação irregular, segundo boletim registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).

A ocorrência policial narra que um rapaz de 17 anos de idade pilotava uma motocicleta, quando foi abordado por três PMs que atuam na região. Na garupa do veículo, seguia outro adolescente, de 15 anos de idade, irmão do que pilotava a moto.

Os policiais descobriram que a documentação da motocicleta, uma Honda, estava irregular e, por ser menor, o condutor não possui carteira de habilitação.

Os PMs avisaram que iam apreender a moto, mas os adolescentes não deixaram. Segundo o boletim policial, o pai dos garotos, J.R.A., 44, saiu em defesa dos filhos e quis empurrar a moto para dentro de casa, mas os militares o impediram.

J.R., ainda de acordo com o registro policial, armou-se com uma foice para cima dos policiais, que reagiram com tiros. O pai e o rapaz de 17 anos de idade, que também teria investido contra os policiais foram feridos, medicados e levados para a delegacia.

O pai foi detido, segundo o boletim, por “ameaça, desordem e resistência”. Ele assinou um termo se comprometendo a comparecer em audiências judiciais que vão tratar do caso. A ocorrência será investigada pelo delegado da Polícia Civil, Divino Furtado Mendonça. Pai e filho passam bem.

Jornal Midiamax