Geral

ONU apura denúncia de maus-tratos a soldado dos EUA

A Organização das Nações Unidas (ONU) apura denúncia de maus-tratos a um soldado detido nos Estados Unidos sob suspeita de ter repassado documentos secretos ao site dedicado a vazamento de informações WikiLeaks. O braço da ONU para questões de tortura informou hoje, em Genebra, o recebimento de denúncia segundo a qual o tratamento dispensado ao […]

Arquivo Publicado em 22/12/2010, às 19h21

None

A Organização das Nações Unidas (ONU) apura denúncia de maus-tratos a um soldado detido nos Estados Unidos sob suspeita de ter repassado documentos secretos ao site dedicado a vazamento de informações WikiLeaks.




O braço da ONU para questões de tortura informou hoje, em Genebra, o recebimento de denúncia segundo a qual o tratamento dispensado ao soldado Bradley Manning em uma prisão dos Corpos de Fuzileiros Navais dos EUA em Quantico equivale a tortura.



Pessoas que visitaram o soldado afirmam que ele passa pelo menos 23 horas por dia isolado em uma pequena cela e que sua condição física deteriora-se acentuadamente. O Pentágono nega que Manning esteja sendo submetido a maus-tratos. As informações são da Associated Press.

Jornal Midiamax