Geral

Morre borracheiro baleado na fronteira

Eder Almeida Moraes, 31 anos, morreu na noite desta quinta-feira após ser baleado. Homens não identificados tentaram dispararam dezenas de tiros nele, em frente à sua borracharia na vila São João, em Ponta Porã. Baleado com vários tiros, ele chegou a ser socorrido e levado em estado grave para o hospital regional, mas não resistiu. […]

Arquivo Publicado em 21/10/2010, às 23h23

None

Eder Almeida Moraes, 31 anos, morreu na noite desta quinta-feira após ser baleado. Homens não identificados tentaram dispararam dezenas de tiros nele, em frente à sua borracharia na vila São João, em Ponta Porã.


Baleado com vários tiros, ele chegou a ser socorrido e levado em estado grave para o hospital regional, mas não resistiu.


Segundo o que foi apurado até agora junto à Polícia Civil, três elementos encapuzados em um veículo GM/Vectra hatch, cor vermelha e placas do Paraguai teriam feito os disparos. Eles estavam armados de fuzis 5.56 e pistolas 9 milímetros.


As rajadas assustaram os moradores do bairro. A vítima foi atingida no peito, braço e nas costas. A Polícia Militar foi acionada e isolou a área para os levantamentos. O caso será investigado pelo 1º Distrito Policial.

Jornal Midiamax