Geral

Médico acusado de abusar de pacientes atende em posto de saúde da Capital

Além de trabalhar no Hospital Geral de Campo Grande, o Hospital Militar, o médico Marcus Vinicius Carreira Bentes, acusado de abusar sexualmente de sete pacientes diferentes no Hospital Militar, também atende na Unidade Básica de Saúde do bairro Guanandi. O Comando Militar do Oeste informou por meio de assessoria que está apurando os fatos em […]

Arquivo Publicado em 14/12/2010, às 22h20

None

Além de trabalhar no Hospital Geral de Campo Grande, o Hospital Militar, o médico Marcus Vinicius Carreira Bentes, acusado de abusar sexualmente de sete pacientes diferentes no Hospital Militar, também atende na Unidade Básica de Saúde do bairro Guanandi.

O Comando Militar do Oeste informou por meio de assessoria que está apurando os fatos em relação a cassação do diploma de exercício de medicina De acordo com a assessoria, o Exército se pronunciará em nota oficial somente amanhã, após as 13h.

Já a Prefeitura Municipal de Campo Grande informou por meio de assessoria que precisa ser notificada sobre a cassação do diploma profissional do especialista e só ai poderá ser desligado do quadro.

O advogado do Conselho Regional de Medicina, André Luis Borges Neto, informou a reportagem que o especialista tem trinta dias para apresentar defesa e recorrer da sentença.

Jornal Midiamax