Inflação oficial acelera e tem maior alta desde maio de 2008

A inflação oficial usada pelo governo, o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), voltou a acelerar, e teve alta de 0,78% em fevereiro, informou nesta sexta-feira o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em janeiro, o índice havia registrado alta de 0,75%. Em fevereiro de 2009, a inflação havia sido de 0,55%. Nos […]
| 05/03/2010
- 16:20
Inflação oficial acelera e tem maior alta desde maio de 2008

A inflação oficial usada pelo governo, o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), voltou a acelerar, e teve alta de 0,78% em fevereiro, informou nesta sexta-feira o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em janeiro, o índice havia registrado alta de 0,75%.

Em fevereiro de 2009, a inflação havia sido de 0,55%. Nos últimos 12 meses, o IPCA acumula alta de 4,83%. No ano, a elevação acumulada é de 1,54%.

Os custos com educação pressionaram fortemente o índice, e subiram 4,53%, contribuição de 0,32 p.p (ponto percentual). Somente as mensalidades escolares ficaram 5,38% mais caras, contribuição de 0,26 p.p.

Os produtos não-alimentícios tiveram aceleração e registraram inflação de 0,73%, ante 0,64% em janeiro. Além dos custos com educação, o aumento das tarifas de ônibus urbano seguiram impactando o IPCA em fevereiro, com alta de 2,50%, ante 3,90% no mês anterior.

Os alimentos continuaram subindo, em intensidade menor. Em fevereiro, houve avanço de 0,96%, contra variação positiva de 1,13% em janeiro. As maiores pressões vieram dos açúcares refinado (10,90%) e cristal (10,48%), tomate (17,26%), leite pasteurizado (2,84%) e arroz (4,45%).

O INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), calculado entre as famílias com renda mensal até seis salários mínimos, teve elevação de 0,70% em fevereiro, ante 0,88% observados no mês anterior. Nos 12 meses encerrados em fevereiro, o indicador acumula elevação de 4,77%, acima/abaixo dos 4,36% relativos aos 12 meses imediatamente anteriores.

Últimas notícias