Geral

Horário de verão vai economizar 5% de energia

Os moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste devem adiantar o relógio em uma hora a partir da 0h do próximo domingo (17), com o início do horário de verão. De acordo com o Ministério de Minas e Energia, a medida deve proporcionar uma redução de até 5% na demanda de energia elétrica nos horários […]

Arquivo Publicado em 16/10/2010, às 16h48

None

Os moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste devem adiantar o relógio em uma hora a partir da 0h do próximo domingo (17), com o início do horário de verão. De acordo com o Ministério de Minas e Energia, a medida deve proporcionar uma redução de até 5% na demanda de energia elétrica nos horários de pico nessas regiões.

Segundo o secretário de Energia Elétrica do ministério, Ildo Grüdtner, quando os relógios são adiantados em uma hora, o excesso de carga nas linhas de transmissão, subestações e nos sistemas de distribuição diminui, e isso faz com que o atendimento no período de maior consumo ocorra com maior eficiência, dando segurança ao sistema.

O horário de verão também serve para conscientizar a população em relação ao aproveitamento da luz natural e garantir uma menor carga no período das 19h às 21h.

Este ano, o horário de verão começa do dia 17 de outubro e vai até 20 de fevereiro de 2011. Nos últimos dez anos, a adoção da medida proporcionou uma redução média de 4,7% na demanda por energia no horário de maior consumo. Em 2009, a redução na demanda de energia elétrica no horário de verão foi de aproximadamente 4,4% nas regiões Sudeste e Centro-Oeste e de 4,5% na Região Sul.

O horário de verão é adotado sempre nesta época do ano por causa do aumento na demanda por energia, que é resultado do calor e do crescimento da produção industrial às vésperas do Natal e serve para garantir o abastecimento de energia no horário de pico de consumo. Nesse período, os dias têm maior duração por causa da posição da terra em relação ao sol, e a luminosidade natural pode ser melhor aproveitada.

No Brasil, o horário de verão foi instituído pela primeira vez no verão de 1931/1932, pelo então presidente Getúlio Vargas, e durou quase meio ano.

Desde 2008, foram estabelecidas datas fixas para começo e término do horário de verão no país: a mudança ocorre no terceiro domingo de outubro e termina no terceiro domingo de fevereiro. Se a data coincidir com o domingo de Carnaval, o final do horário de verão é transferido para o domingo seguinte.

Jornal Midiamax