Geral

Governo cancela benefícios de 13.618 famílias

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome cancelou em julho o Bolsa Família de 13.618 famílias por baixa frequência dos filhos à escola. A informação foi divulgada nesta sexta- feira (16) pelo ministério. Tiveram os benefícios cancelados famílias com filhos com faltas escolares acima de 15% das aulas por cinco períodos seguidos. O último monitoramento […]

Arquivo Publicado em 16/07/2010, às 18h19

None

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome cancelou em julho o Bolsa Família de 13.618 famílias por baixa frequência dos filhos à escola. A informação foi divulgada nesta sexta- feira (16) pelo ministério. 

Tiveram os benefícios cancelados famílias com filhos com faltas escolares acima de 15% das aulas por cinco períodos seguidos. 

O último monitoramento da frequência escolar dos beneficiários do programa chegou a 83% do total de alunos entre 6 e 15 anos atendidos pelo Bolsa Família, ou 13,1 milhões de crianças e adolescentes. O controle foi feito para o bimestre abril/maio. 

As informações registradas sobre os adolescentes de 16 e 17 anos alcançaram 76,% do total de alunos nessa faixa etária no bimestre. 


Na faixa etária de 16 e 17 anos foram cancelados 5.855 benefícios dos estudantes que não alcançaram frequência de menos 75% das aulas nos últimos três períodos de acompanhamento consecutivos. A diferença, nessa situação, é que a família perde apenas o valor de R$ 33 ou R$ 66 (para um ou dois filhos de 16 e 17 anos, respectivamente), e não o benefício total. 

O ministério informou ainda que os índices de monitoramento da frequência escolar se mantêm superiores a 80% desde 2008, quando foi feita parceria entre o Ministério do Desenvolvimento Social e o Ministério da Educação com Estados e municípios, para avançar no acompanhamento do programa.

Jornal Midiamax