Geral

Gastronomia desbanca Medicina no vestibular da UFRJ

Logo na estreia, o mais novo curso da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) desbancou até a Medicina, tradicionalmente a carreira mais cobiçada pelos vestibulandos. O bacharelado em Gastronomia, novidade no vestibular deste ano, tem 115 candidatos disputando cada vaga. Na Medicina, a relação é de 104 candidatos/vaga. A conta vale para 40% das […]

Arquivo Publicado em 19/12/2010, às 12h09

None

Logo na estreia, o mais novo curso da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) desbancou até a Medicina, tradicionalmente a carreira mais cobiçada pelos vestibulandos. O bacharelado em Gastronomia, novidade no vestibular deste ano, tem 115 candidatos disputando cada vaga. Na Medicina, a relação é de 104 candidatos/vaga. A conta vale para 40% das vagas que serão preenchidas apenas pelo vestibular organizado pela UFRJ, cujo resultado será divulgado em 14 de janeiro. Os outros 40% das vagas serão preenchidos pelo Enem e 20% estão reservados para as cotas sociais.


São 927 candidatos ao novo bacharelado da universidade. Os selecionados vão aprender não só a preparar delícias na cozinha, mas também a administrar restaurantes e a realizar pesquisas na área de alimentos. Organizado pelo Instituto de Nutrição, o curso terá a duração de quatro anos. A UFRJ é a quarta universidade federal e a primeira no Sudeste a incluir gastronomia na sua grade de cursos. A pioneira foi a Universidade Federal Rural de Pernambuco.


O interesse dos vestibulandos não chegou a ser surpresa para Nilma Morcerf de Paula, coordenadora do curso. “Eu esperava essa procura. Há dez anos não havia esse interesse, mas isso mudou. A gastronomia deixou de ser vista como elitista para ser assunto de interesse comum. Boa refeição não só é só sinônimo de comida saudável. É a alimentação ligada ao prazer, à beleza, à arte.”

Jornal Midiamax